Counters
Free Counter omnia mutantur, nos et mutamur in illis


Viagens...

> moacircaetano todo prosa <

> flickr <

> desenhos e photoshop <

> retratista <

> armazém de coisas <

> blog de 7 cabeças <

> músicas com josué <

> fotolog com Miriam e Ju <

Antes...

01/01/2017 a 31/01/2017
01/12/2016 a 31/12/2016
01/10/2016 a 31/10/2016
01/05/2016 a 31/05/2016
01/04/2016 a 30/04/2016
01/03/2016 a 31/03/2016
01/02/2016 a 29/02/2016
01/12/2015 a 31/12/2015
01/10/2015 a 31/10/2015
01/05/2015 a 31/05/2015
01/02/2015 a 28/02/2015
01/11/2013 a 30/11/2013
01/04/2013 a 30/04/2013
01/02/2013 a 28/02/2013
01/01/2013 a 31/01/2013
01/12/2012 a 31/12/2012
01/10/2012 a 31/10/2012
01/09/2012 a 30/09/2012
01/08/2012 a 31/08/2012
01/07/2012 a 31/07/2012
01/02/2012 a 29/02/2012
01/12/2011 a 31/12/2011
01/03/2011 a 31/03/2011
01/08/2010 a 31/08/2010
01/07/2010 a 31/07/2010
01/03/2010 a 31/03/2010
01/08/2009 a 31/08/2009
01/07/2009 a 31/07/2009
01/04/2009 a 30/04/2009
01/02/2009 a 28/02/2009
01/01/2009 a 31/01/2009
01/12/2008 a 31/12/2008
01/11/2008 a 30/11/2008
01/10/2008 a 31/10/2008
01/09/2008 a 30/09/2008
01/08/2008 a 31/08/2008
01/07/2008 a 31/07/2008
01/06/2008 a 30/06/2008
01/05/2008 a 31/05/2008
01/04/2008 a 30/04/2008
01/03/2008 a 31/03/2008
01/02/2008 a 29/02/2008
01/01/2008 a 31/01/2008
01/12/2007 a 31/12/2007
01/11/2007 a 30/11/2007
01/10/2007 a 31/10/2007
01/09/2007 a 30/09/2007
01/08/2007 a 31/08/2007
01/07/2007 a 31/07/2007
01/06/2007 a 30/06/2007
01/05/2007 a 31/05/2007
01/04/2007 a 30/04/2007
01/03/2007 a 31/03/2007
01/02/2007 a 28/02/2007
01/01/2007 a 31/01/2007
01/12/2006 a 31/12/2006
01/11/2006 a 30/11/2006
01/10/2006 a 31/10/2006
01/09/2006 a 30/09/2006
01/08/2006 a 31/08/2006
01/07/2006 a 31/07/2006
01/06/2006 a 30/06/2006
01/05/2006 a 31/05/2006
01/04/2006 a 30/04/2006
01/03/2006 a 31/03/2006
01/02/2006 a 28/02/2006
01/01/2006 a 31/01/2006
01/12/2005 a 31/12/2005
01/11/2005 a 30/11/2005
01/10/2005 a 31/10/2005
01/09/2005 a 30/09/2005
01/08/2005 a 31/08/2005
01/07/2005 a 31/07/2005
01/06/2005 a 30/06/2005
01/05/2005 a 31/05/2005
01/04/2005 a 30/04/2005
01/03/2005 a 31/03/2005
01/02/2005 a 28/02/2005
01/01/2005 a 31/01/2005
01/12/2004 a 31/12/2004
01/11/2004 a 30/11/2004
01/10/2004 a 31/10/2004
01/09/2004 a 30/09/2004
01/08/2004 a 31/08/2004
01/07/2004 a 31/07/2004
01/06/2004 a 30/06/2004
01/05/2004 a 31/05/2004
01/04/2004 a 30/04/2004
01/03/2004 a 31/03/2004


Links Amigos
 A Mulher que eu amo!!! (fotolog)
 A Mulher que eu Amo!!! (blog)
 Olívia e Bolívia
 A Madahlena sem Arrependimento
 Aline
 Andréa Del Fuego
 Ana Paula Mangeon
 Bizarro Deslumbre
 Borboleta e Joaninha
 Breves Histórias Cotidianas
 Calcinhas ao Léo
 Carla Juliano
 Césped Vesper
 Coisa Rara
 Coração na Boca
 Creolina
 Czarina
 Diovvani Mendonça
 Infinit Loop
 Decca e seus rabiscos
 Demasiadamente Inconstante
 e-pistolas
 Elaine Lemos
 Enfim tudo de novo
 Ensaios do Eu
 Escuchameporra
 Fada Milly
 Farinhada
 Fernando Palma
 Flores, Pragas e Sementes
 Gaveteiro
 Giramundo Giraeu Girassol
 Histórias e Vitórias
 Isabellinha, Movimentando o Nada
 Japonês em Braille
 Josué Gomes
 Keila, sobre caminhos e pedras...
 Leite de Letra
 Letra Preta
 Lobotomy Cafe
 Lomyne
 Lugar Gostoso
 Lume Vagante
 Marcelo Brettas
 Marluquices
 Mendoscopia
 Meu Contratempo
 Mia Geodésica
 Monopólio
 Múcio Góes
 Mundo Estranho
 Noturnolândia
 Rainha de Copas e seu sorriso de arco-íris
 Remo Saraiva
 Rita Apoena
 Samia
 Sandra Souza
 Saramar
 Torre de Bebel
 Um Anjo Pornográfico
 Um Tiro no Escuro
 Veronique
 Versos deLírios
 MUSICOVERY
 Devaneios Aéreos
 Nati Alves
 Hipácia
 O Mundo de Paco
 Tati Messias
 Suspiros de Sabrina
 Adyverso
 Verbologue
 Sentir é um Fato
 Mainha me deu lápis
 Ramon Alcântara









moacircaetano


Paisagem


Daqui avisto toda a costa
do que um dia foi o nosso amor.
Daqui avisto toda a praia.

Aqui me visto de remorso,
fúria, ira, culpa, raiva e dor.
Aqui me visto pra batalha.

Depois me esqueço do meu ódio...
mas agora os meus olhos
são ingratidão apenas
e seria uma pena
não poder te machucar.

Depois me esqueço
de te matar.

+ do mesmo: http://moacircaetanotodoprosa.blogspot.com/ 


 Escrito por moacircaetano às 19h41
[ ] [ envie esta mensagem ]



Lição n° 01


Deixa eu te contar:
Aprendi a voar!
É fácil, fácil, vou te mostrar.

Chega bem aqui, à beira do abismo,
sente o vento chamando.
Põe metade do pé pra fora
prende o ar
e respira só de vez em quando!

Abre os braços bem devagarinho,
vai relaxando aos pouquinhos
e conversa com o mundo ao redor!
Ouve os pássaros, as pedras, os rios,
o som dos teus calafrios
e a antiga canção do sol.

Deixa a alma escapar-te entre os dedos
e assim despeça-te dos medos.
Mergulha teu corpo na imensidão
e então...
Pronto! Correntes de ar
logo virão a te abraçar!

E enquanto voas, sentirás, te digo,
borboletas no estômago e frio no umbigo,
e em tua mão esquerda o toque da minha...
Achaste mesmo que irias sozinha?

E ao longo do teu plano de vôo
estendo-me, estando, ecôo...
+ do mesmo: http://moacircaetanotodoprosa.blogspot.com/ 






 Escrito por moacircaetano às 11h25
[ ] [ envie esta mensagem ]



ROTINA


A cada quinze dias
o cerrado me abraça
com seus braços quentes
e suas árvores retorcidas.
Com sua boca seca me beija
e com suas mãos de cerveja
me acaricia.
Me dá um dia cheio de amigos
e me diz: "Boa noite"!
Me dá uma noite
plena de prazeres
e me diz: "Bom dia"!

A cada quinze dias
minha mulher me abraça
com suas pernas incandescentes
e suas mãos agradecidas.
Com sua boca úmida me beija
e com sua saliva benfazeja
me sacia.
Me dá um dia cheio de sorrisos
e me diz: "Boa noite"!
Me dá uma noite
infinita de prazeres
e me diz: "Bom dia"!

Até que o sonho se encerra
e vou-me, cheio da ausência
de minha mulher e de minha terra!


 Escrito por moacircaetano às 13h53
[ ] [ envie esta mensagem ]



CONSTATAÇÃO


Talvez Ele já tenha
desistido desse mundo
e já esteja trabalhando
num projeto melhor...

Esse já não vale o suor!

+ do mesmo: http://moacircaetanotodoprosa.blogspot.com/ 


 Escrito por moacircaetano às 09h18
[ ] [ envie esta mensagem ]



DESEJO


Hoje só quero ir
onde tua palavra esteja
só quero sentir tua boca
quero sentir na tua boca
o gosto de vida e de cerveja

Hoje só quero deitar-me
em tua cama
refastelar-me em teu lençol
só quero banhar-me em teu sol
e sujar-me em tua lama

Hoje quero beber
mas só se for de tua saliva
amarulacafécomleiteazeitedeoliva

Hoje quero morrer
mas só se for de mãos dadas contigo
passeando entre lápides e jazigos
morrendo aos pedaços entre vãos e espaços
vazios da existência
deixando em tuas mãos cansadas um pouco (só um pouco) da minha essência.

Hoje só não quero, meu amor, pudor ou decência.

+ do mesmo: http://moacircaetanotodoprosa.blogspot.com/ 



 Escrito por moacircaetano às 09h48
[ ] [ envie esta mensagem ]